Nosso Banner




Mais banners e buttons

Parceiros

Pokémon Mythology RPG
Redes Sociais
Os membros mais ativos do mês
Kenway
 
Martell
 
Naruub
 
Awashi Ravenborn
 
primo06
 


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Foto

[Ficha] Zaga Di Torgus

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Em Curso em Sab 28 Mar 2015 - 16:09 1

Zaga

avatar
Membro Nível 0

Ficha de Personagem

Dados Pessoais

Nome: Zaga Di Torgus
Raça/sub-Raça: Humano Normal
Classe: Civil
Idade: 17
Altura: 1,76 m
Peso: 64 kg
Sexo: Masculino
Mão Hábil: Ambidestro
Plano de Origem: Tequila Wolf Island - East Blue
Localização: Tequila Wolf Island

Level & Biografia

Foto:
Spoiler:

História:
O mundo permanecia na grande Era dos Piratas, ainda que alguns defensores da marinha dissessem precisamente o contrário. Grandes histórias, confundidas quase com contos eram ouvidas e pernunciadas por todos os cantos do mundo. Lendas começavam a surgir, enquanto que algumas desapareciam nesse temulto de grandes batalhas que marcavam esta Era. As notícias chegavam nas grandes cidades, contando os atos de grandes figurões. Crianças brincavam o faz de conta, tentando imaginar como seria ser alguém assim. Assim foi marcada a época, uma época de sonhos e aventuras, de terras misteriosas por descobrir e incríveis tesouros fizeram o Homem navegar pelos mares.

A vida era simples e aborrecida para alguém daquela geração, tal como Zaga. Uma geração que havia vivido ouvindo os contos dos grandes feitos e das grandes aventuras que os aguardavam do outro lado do mundo, em algum lugar do oceano. Ainda para mais Viole vivia no East Blue, em Tequila Wolf, um local que não passava de nada mais do que uma simples e gigantesca ponte. A ponte havia sido criada por vários escravos a mandado do Governo Mundial, sendo esse um dos muitos motivos para Zaga não gostar de sua terra natal. Não era exatamente o local ideal para alguém que queria poder viver livremente, viajando e conhecendo novos locais. No entanto, Zaga ainda festejava o que podia, vivendo uma vida alegre mas bastante repetitiva e por isso aborrecida. Zaga precisava se soltar, viajar, ver o mundo com seus próprios olhos. Ele queria viver experiências, não queria ser apenas mais um que ficava simplesmente entusiasmado ao ouvir as lendas feitas por outros. Antes ele queria vivê-las! Em especial atenção tinha Zaga os contos sobre piratas, não por gostar de um ou outro em especial e muito menos por admiração. Mas antes pelos feitos, pela sua liberdade, vivendo uma vida sem autoridade, fazendo aquilo que quisessem. Essa ideia fascinava a mente de Zaga de cima a baixo.

Foi então que certo dia, por ação do Destino, Zaga se deparou com um sujeito peculiar. O homem parecia bastante misterioso ou assim a sua aura em torno dele o fazia querer. Era possível se sentir algo diferente naquele homem, uma certa grandiosidade que o distinguia de um comum mortal como todos nós. Ao se aproximar, ficou visível que o pacato sujeito se demonstrava ferido numa de suas longas pernas. O homem parecia fugido de alguma coisa, intrigando ainda mais Zaga. Movido por impulso sem dar muito pensamento no assunto, Zaga abordou o desconhecido. Pouco tempo se fez até lhe oferecer abrigo e alguns cuidados para o ferimento. Sendo sua proposta aceita, Zaga acolheu o homem e começou um diálogo entre os dois. Ora, o homem se tratava de um Revolucionário de alto cargo, o espanto foi grande ao ouvir a notícia. Mas continuando a conversa, logo surgiram histórias de grandes viagens para países desconhecidos, captando a atenção de Zaga. A condição do pobre homem era grave, iria morrer mas ainda assim os dois falavam, aproveitando aquele breve momento de relaxamento. Zaga, emocionado pelas histórias do viajante começou a falar sobre a vida enquanto pirata e sobre seus desejos de ser livre. De imediato se acendeu uma luz nos olhos do homem abatido que logo falou para Zaga seguir esses seus desejos, sem pensar duas vezes. Condenado à morte, no seu leito de morte o moribundo entregou um colar para o sonhador, transmitindo com ele todos os seus sonhos que não havia podido concretizar. Movido por tal gesto Zaga decidiu desde aquele momento em diante viver sobre autoridade alguma, alcançando as maiores aventuras, criando as suas próprias Lendas. Formando a sua Era!

Personalidade:
Tem uma personalidade bastante livre, é tranquilo e despreocupado. Algo que as pessoas tendem a confundir facilmente com irresponsabilidade, ou pelo menos assim ele gosta de encarar. Irresponsável ou não, pouco se importa, muita festa e muito barulho, tudo o que um bom homem precisa. Conhecido por dormir nos bares da ilha. Cochila quando sempre que pode e como pode, sem se importar se está no bar ou no meio da rua. Avantajado de uma personalidade bastante festiva, amante de uma boa história e de um bom companheiro de bebida. Tem um enorme senso de humor, mesmo quando não deveria! Vive sem regras e talvez seja por isso que tanto adora uma boa aventura, seja no campo de batalha ou por si só.

Respeitado por aqueles que o conhecem, não que isso lhe importe. Por outro lado, é muitas vezes visto como uma carga de trabalhos ou mesmo confundido por alguma espécie de vagabundo, especialmente quando após uma bela festa acaba por adormecer nos locais mais estranhos. Ainda assim, Zaga é um sujeito bastante alegre especialmente em torno de seus companheiros. Até mesmo, em algumas ocasiões, tenta se passar por mulherengo ainda que com pouco sucesso. Toma em estima os seus companheiros e é fiel a estes. Um homem que vive que nem a poesia, alegre e livremente.


Aparência:
Sujeito alto, abençoado de um tom de pele claro. Não é alguém que chame demasiado à atenção, algo que nunca lhe provocou transtornos. Rosto comprido completado com uma pelugem de poucos dias no queixo, sempre fora uma pessoa peluda. Algo que de bom humor considera atraente e até mesmo sedutor. Fato que até hoje ainda não foi confirmado. Seus olhos castanhos transmitem a chama de um sonhador, um tanto semelhantes ao de um beberrão. Seu cabelo também é igualmente castanho, usando sobre sua cabeça um chapéu de palha um tanto extravagante. Algo também interessante é o fato de sempre ter o peito à mostra, motivo que segundo Zaga passa por gostar de sentir o vento a roçar sobre si.

Atributos Primários


(For)-Força: 3
(Dex)-Destreza: 1
(Agi)-Agilidade: 1
(Vgr)-Vigor: 2
(Con)-Constituição: 1
(Per)-Percepção: 1
(Int)-Inteligência: 1
(Esp)-Espirito: 1
(Sor)-Sorte: 1
(Log)-Lógica: 1
(Pes)-Persuadir: 0
(Car)-Carisma: 0
(Frv)-Força de Vontade: 2

Cor do Pv e Ps: Vermelho

Profissão



Nome da Profissão: Aventureiro
Descrição: Sentem a necessidade de se aventurar, conhecer novas pessoas e lugares.


Pericias da Profissão



Pericia: Bravura
Descrição: Permite que intimide o oponente.
Pericia: Sobrevivência
Descrição: Permite que sobreviva em ambientes hostis.

Vantagem & Desvantagens



Vantagens


Ambidestria
Beberrão
Bons Sentidos: Audição

Desvantagens


Mal Entendido
Código dos Samurais

Estilo de Combate


Tipo: Espadachim
Descrição: São guerreiros especializados em combate de curta distância. Utilizam Espadas, Katanas, Juttes e Sabres.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Sab 28 Mar 2015 - 20:36 2

Escanor

avatar
Membro Nível 20
[aviso=Ficha Em Construção]* Sua ficha esta correta e em breve estaremos a criando.
* Assim que for criada sua ficha aceita, avisaremos aqui e este tópico será movido para as fichas avaliadas e abandonadas.[/aviso]



"O orgulho dos pequenos consiste em falar sempre de si próprios; o dos grandes em nunca falar de si."
Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/t2400-ficha-aceita-de-asrur-varlor
Em Curso em Sab 28 Mar 2015 - 21:12 3

Escanor

avatar
Membro Nível 20
@Zaga
[sucesso=Ficha Aceita]* Parabéns sua ficha foi aceita.
* Aqui está o link da sua Ficha Aceita.
* Agora pode iniciar sua jornada no Coliseum Battle, onde você terá um breve tutorial do nosso sistema de luta.
* Boa sorte na sua jornada.[/sucesso]

[aviso=Aviso Importante]* Tópico Bloqueado & Movido para Fichas Avaliadas & Abandonadas.[/aviso]



"O orgulho dos pequenos consiste em falar sempre de si próprios; o dos grandes em nunca falar de si."
Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/t2400-ficha-aceita-de-asrur-varlor

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

Compartilhe este Tópico!

Url Direta
BBcode
HTML
  • Forumeiros.com | © PunBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Fórum grátis