Nosso Banner




Mais banners e buttons

Parceiros

Pokémon Mythology RPG
Redes Sociais
Os membros mais ativos do mês
Kenway
 
Survival
 


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Foto

O caminho do aventureiro

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 2]

Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 9:29

Última edição por Gm. Lawite em Seg 20 Maio 2013 - 15:09, editado 1 vez(es)
1

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Aqui ocorrerá a aventura do Civil Asakura Tor

Sem narrador definido

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 14:21 2

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
O RETRATO DO PIRATA

Uma criança que queria se tornar um bravo aventureiro, sua admiração por piratas o levou á se esforçar e guiar seu próprio caminho. Em Loguetown sua infância foi sofrida, com o falecimento de seus pais, Asakura Tor não tinha para onde ir mas foi salvo por dois grandes homens. Um pirata e um marinheiro que o acolheram e fizeram dele um filho, criado e motivado por aventuras e histórias dos homens dos mares. Por muito tempo foi levado junto a pirataria, certamente influenciado por ela, ainda sim sorria a cada ação de seus responsáveis. Havia apenas um porém, piratas não poderiam se manter em apenas um local, nada os prenderia pois seu estilo de vida os forçava a se aventurarem por todo o mundo e isso fez com que o garoto de Wars Island voltasse a ficar sozinho. Não guardaria nenhum receio pois quem lhe ensinou-o a viver fez muito por ele e só tinha à agradecer, pois de hoje em diante o futuro pirata iria traçar seu próprio caminho. E essa é a história de sua vida...

Mais um dia em Loguetown, linda ilha localizada no East Blue e local onde cresci e me desenvolvi. A cidade era bem conhecida pelos piratas que dali surgiam. Queria me tornar um pirata então obviamente teria de começar fazendo piratarias mundo a fora, seguiria para a área onde os mercantes vendem seus produtos para tentar saquear alguns.

Objetivos:
  • Aprender Perícias: Salto e Bravura.
  • Me tornar um pirata.
  • Adquirir bastante Xp para level e estilo de combate. Não sei se é possível ganhar atributos nesse tipo de aventura ou se é apenas no "Dia a Dia". Se for possível quero treinar para isso também.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 14:48 3

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Um dia lindo em loguetown, mais infelizmente via uma tempestade do North Blue, que chegaria até a noite. Mais o nosso jovem Tor. Ele andava pela cidade que estava muito bonita para uma tempestade que está pra chegar, e há várias pessoas andando por la, os becos estão vazio isso até causa um pouco de arrepio em quanto o jovem Tor passava por eles, mais enfim chegou ao centro da cidade, aonde se encontrava um grande mercado, as coisas por la estão bem movimentadas, principalmente a venda de guarda chuvas, há várias pessoas vendendo e algumas crianças sem-teto roubando algumas frutas de la, e marines por vários cantos, até as crianças que são difícil de se ver estão sendo pegas, e o jovem Tor estava apenas observando, quando ele entrou em um bar, o bar era bem fechado e havia muitas pessoas bebendo até cai, e la no canto havia um homem que estava montando uma tripulação pirata, e pareciam ser bastante legais, Tor mal deu uns passos e foi chamado pelo capitão da tripulação que o falou se ele queria ser um pirata, quando Tor olhou para ele depois de admirar o local, que era bem fechado e todos os modos, e tinha vários detalhes de ouro e coisas luxuosas, o local até chegava ser muito bem luxuoso para um bar aonde há piratas e fora-da-lei. Mais quando Tor olhou para o capitão pode ver que ele tinha um chapel grande e bem estilo pirata, seus olhos era grandes e tinha várias marcas de velhice em seu rosto, e uma cicatriz em seu nariz que ia desde o olho esquerdo ao direito, e sua barba era longa e na ponta tinha uns trecos que saia fumaça, o homem era bastante estranho e usava um manto longo e cheio de perfurações e rasgados, mais mesmo com esta tal aparência nada boa falou bem suavemente com Tor.
Olá meu jovem, será que gostaria de viver uma vida de farra, diversão,aventura e emoção. Se junte a nós por favor até lhe pago uma bebida, mais antes tem que fazer um teste caso queira! e sempre sorrindo o homem terminou suas falas.
Tor olhou em volta e pode ver várias pessoas bebendo ainda até desmaiar e uma bela garçonete que vinha e botava dois copos grandes de sakê para eles beberem.

Oque será que o jovem Tor irá fazer agora? qual será a resposta da pergunta do capitão pirata que havia por la?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 15:08 4

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Encontro Certeiro

"- Olá meu jovem, será que gostaria de viver uma vida de farra, diversão,aventura e emoção. Se junte a nós por favor até lhe pago uma bebida, mais antes tem que fazer um teste caso queira!"

Uma proposta que vinha em ótima hora, me juntar a uma tripulação pirata e sair navegando mundo a fora era um sonho que poderia estar mais pero agora. Homem asqueroso e nojento aquele que me fez a pergunta, entretanto parecia ser o capitão de um bando, e de certa forma até mesmo respeitável.

- Um pirata!!? Tudo que eu quero ser no momento é ser livre para me aventurar, certamente gostaria de me juntar a vocês!

Seguido de minhas palavras um belo sorriso, aproveitava a situação e tomava um grande gole de sakê para "comemorar" uma possível aliança entre homens. Mesmo que aquele grupo fosse detestado pelo mundo a fora, nada iria quebrar o elo que estávamos construindo, com minha determinação ajudaria aquele bando a chegar ao topo e a ser reconhecido, pois agora eles eram o meu bando. O fato de não estar no comando do navio me incomodava um pouco porém não ligaria muito caso meu capitão fosse uma boa pessoa, sabia que estaria em boas mãos.

- Você irá me ajudar a chegar no topo do mundo? onde os homens são livres?

Uma ultima pergunta selaria um acordo, meu desejo agora era de me tornar o maior dos piratas e para isso gostaria de uma grande recompensa, tudo isso era subjetivo em minha pergunta, e se tivesse uma resposta positiva para mim, levaria comigo uma amizade recém formada.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 15:20 5

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor estava um pouco feliz com a pergunta do Capitão, então toma um grande gole de sakê, e assim ficava um contente por está em um bando de piratas, mais ainda não era bem assim então o jovem que já confiava bem no homem mesmo mal o conhecendo então ele logo muda um pouco o jogo fazendo uma pergunta para ele, que até seira uma boa pergunta que como todos querem chegar ao topo, ele deveria saber que seu lugar estaria garantido la, então o Capitão fica meio surpreso com a pergunta mais logo responde com um sorriso
Claro meu jovem, fico contente de ter aceitado, mais antes terá que passar no teste, não é muito difícil não, apenas vá la fora e prove do que é capaz, estamos querendo voltar para a Grand Line, então teremos que ser forte, por isso prove indo la fora e roube algumas coisas de valor, e algumas armas se tiver como, e caso um marine venha pra cima de voc~e como certamente virá gostarei de observa sua luta, mais caso nenhum deles venham te pegar te darei os meus parabéns porque isto será muito difícil! o Capitão falou bem empolgante e no final mais empolgante ainda e mais desafiador, e assim rapidamente perguntou novamente
Ei meu jovem, qual é seu nome? o meu e Lucio! e agora falou bem mais sutil. E esperando a resposta de Tor ele se assentou na cadeira e bebeu seu sakê todo em um gole, parecia até que fazia isto a vida inteira para fazer algo deste.

Oque será que Tor ira fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 16:16 6

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
A Prova dos Valores

Havia uma coisa para fazer antes de entrar no bando, algo que o capitão havia citado anteriormente, seria um teste que ao observar, Lucio que era o nome do pirata, iria me avaliar e julgar se estava pronto para me tornar um membro de seu bando.

"- Ei meu jovem, qual é seu nome? o meu e Lucio!"

- Me chamo Asakura Tor!


Após uma rápida resposta, seguiria meu caminho, e iria rumo as tendas dos feirantes. Poucas pessoas estavam circulando pelo local, isso devido ao clima que parecia hostil. Era necessário movimentos furtivos, algo que tinha muita experiencia e loo seguiria para uma barraca/tenda que estivesse um pouco mais distante das outras, não importando o quanto. Não iria utilizar minhas habilidades para roubar uma mulher, logo meus alvos eram apenas homens, que também não iria machucar apenas dar-lhes um susto.

Caso encontrasse um bom vendedor, com produtos acima da média, ficaria circulando ao redor de sua "loja", não faria muitos movimentos, pois não queria chamar muita atenção, logo com único e rápido movimento tentaria derrubar a tenda que provavelmente teria suas estruturas de mateira, com um chute lateral, movimentando minha perna que estava ao lado de meu corpo e à impulsionando contra a "viga" com máxima força. Poderia sim ser um movimento tosco e falho, mas isso chamaria muito a atenção de quem eu queria, mas para cumprir minha palavra, tentaria pegar um produto qualquer que fosse leve e pequeno o suficiente para colocar no bolso, posteriormente iria sair do local usando toda minha furtividade para movimentar-me entre as poucas pessoas que ali estavam. No caso de não conseguir quebrar a "barraca", meu movimento seria um pouco suspeito e também chamaria atenção, não deixaria também de pegar tal objeto que por hora é misterioso.

O plano havia iniciado, logo a chance de mostrar meu valor se aproximaria, então a direção que seguia era para o bar onde havia tomado um bom sakê, não adentraria no estabelecimento para não causar problemas maiores lá, utilizaria da rua suas vantagens.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 16:37 7

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor ia andando pela cidade novamente, e a já era ora do lanche, então havia tendas sendo desmontadas já e lojas se fechando, com um caminhar um pouco longe, Tor encontrou um tenda que vendia objetos de valor, em especial Tor queria roubar um ovo de porcelana com detalhes de ouro e umas rubis. Lucio estava apenas observando e logo viu um homem suspeito perto de Tor, então Lucio foi andando um pouco mais pra perto e com seu chapel cobrindo mais seu rosto, pós não queria ser reconhecido pela marinha. Então Tor parado em um poste começou a pensar em um plano, então sem que o mercador vesse ele se preparou para dar um chute, mais no momento em que deu um homem misterioso apareceu, e não apenas apareceu como tentou da um chute no jovem aprendiz a pirata Tor, mais propositalmente errou, apenas raspando na cabeça do jovem Tor, assim Tor ao dar o chute na barraca logo virou para ver de que era a perna, e ao olhar lentamente para sua esquerda viu um homem de terno, mais com uma gravata desarrumada e um cabelo de certa forma longo mais arrumado e usava um óculos de grau bem bonito por sinal. Lucio se aproximou mais até o pondo de escutar oque o homem misterioso falava
Tor, tome cuidado, isto não foi nada esperto merda!, tente bolar planos melhores, suas ações estavam bem claras, se eu não aparecesse para fingir uma briga você poderia está preso agora! E deu um piscar de olhos para Tor.
Lucio ficou um pouco menos preocupado mais mesmo assim foi chegando mais perto e se deparou com o jovem aprendiz a pirata Tor pegando um ovo de porcelana bem caro e pondo em seu bolso, e logo viu o homem misterioso dando um salto para uma outra tenda e depois para uma janela e depois para um beco e sumiu por la. Lucio viu que Tor corria bem despercebido dali então ele faz o mesmo só que indo atras de Tor, e em um canto Lucio puxou Tor pela sua veste e falou com ele.
De certa forma mandou bem, mais oque o Aguíno queria com você? ele falou algo? me diga! Lucio parecia está um pouco preocupado agora e desesperado.
Mais antes que Tor respondesse ele o puxou e foi andando pelo beco bem rápido e falou
Perdão pelo meu comportamento, Aguíno é de certa forma um rival meu, ele era agente do governo, mais hoje em dia e um pirata como eu. Vamos nos encontrar com ele agora, sei aonde ele vai. E os dois foram andando por becos e becos, até que chegaram a um estaleiro abandonado, e la Lucio perguntou
Vai querer prosseguir? este caminho não pode levar a coisas boas Lucio foi a frente sem esperar a resposta novamente e adentrou em um estaleiro abandonado que dava para uma pequena floresta bem estranha e meio morta.

Oque será que o jovem aprendiz a pirata Tor ira fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 17:20 8

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Rivalidade a Tona

Meu plano foi um tanto quanto idiota, entretanto essa era minha maneira de agir, inusitadamente. Meu chute havia sido aplicado com sucesso, entretanto um homem misterioso surge e tenta me golpear, o chute passa perto mas não me atinge, não estava entendendo a situação.

"-Tor, tome cuidado, isto não foi nada esperto merda!, tente bolar planos melhores, suas ações estavam bem claras, se eu não aparecesse para fingir uma briga você poderia está preso agora!"

As ações do homem foram simplesmente um ajuda para que eu pudesse roubar sem ser percebido e para mascarar meu chute, uma briga num lugar daqueles, algo muito comum. Suas palavras me deixaram ciente do quão perigoso é o mundo dos piratas, ser capturado nas minhas condições atuais seria horrível, a falta de experiencia com certeza iria me prejudicar e muito.

O indivíduo se retirava do local após pronunciar suas palavras e posteriormente eu também saia dali. Lucio parecia estar satisfeito, porém o fato do homem saber meu nome o encomodava.


- De certa forma mandou bem, mais oque o Aguíno queria com você? ele falou algo? me diga!

- Ele apenas me pediu para tomar mais cuidado.

Poucas palavras, mas uma resposta verdadeira. Lucio desesperado me puxa para outro local e lá me faz uma pergunta, ele queria saber se iria prosseguir com meus objetivos mesmo sendo um caminho difícil. Sem nem ao menos ouvir minha resposta ele adentra em um estaleiro, eu também nem precisaria responder, segui-o para onde fosse.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 17:48 9

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor segue-ria Lucio em qualquer lugar que ele fosse, então tomou rumo a floresta morta como Lucio chamava, ali era um lugar bem diferente do que todos estavam acostumados a ver, então Tor ficava muito surpreso a cada lado que via, pós a morte sem duvida reinará por la. O caminho não era muito longo e havia alguns bandidos por la, mais todos pareciam temer Lucio, Tor ate se sentia mais seguro assim, mais ele queria emoção e não estava tendo tanta agora. Tor entrava em um estabelecimento que de certo modo em comparação ao local era luxuoso, la dentro havia pessoas que eram procuradas, Tor reconheceu alguns, inclusive havia um homem que tinha uma cabeça de 100 milhões de berris, e assim eles foram andando e Lucio procurou o Aguíno, não demorou muito para achar, até que eles começaram a discutir
Lucio- Oque você fazia no bar? Aguíno, meu irmão oque você está tramando meu irmão, oque essas pessoas fazem aqui.
Aguíno-Irmão não posso falar agora mais unasse a mim,você não ira querer ficar contra meu chefe, por favor irmão.
Todos do local ficavam olhando para Tor que estava na escada escutando a conversa que acontecia em uma sala especial. O local aonde Tor estava tinha bastante seres diferente, mais mesmo assim ainda eram humanos, todos tinham uma marca especial, era muito intrigante essa marca,Tor já nem ligava muito para a conversa até que escutou Lucio falando
Lucio-Diante destas circunstancias concordo com você. a parti de agora você comandara os dragões assassinos, e assim treine o jovem Tor, ele me lembra muito com ainda jovem, mais vamos acabe logo com isso.
Aguíno, está bem...pronto está feito deixa eu me retirar.
Aguíno saia correndo da sala e falava
Deu errado correm,correm ele está louco e a ponto de explodir Tor ficava curioso o de como explodir
Da porta saia Lucio, agora estranho e com a marca estranha no pescoço que todos tinham, e agora sua pele ficava vermelha e depois normal seu corpo passava por uma especie de metamorfose. Lucio agia estranho e atacava todos, seus movimentos estavam muito rápido e sua força também e seu corpo fervia, o local logo foi a baixo com um disparo do Homem da cabeça de cem milhões, o Berrgue, muitos se machucavam inclusive Tor que levava alguns arranhões pelo corpo todo e sua roupa que rasgava em grandes proporções. Lucio atacava todos ainda sem parar, mais a batalha estava densa, todos se recuperavam rápido de seus ferimentos, mais ferimentos mortais que Lucio dava estava matando eles. Neste momento Aguíno saia correndo do local indo em direção ao centro de Loguetown.

Oque será que Tor ira fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 18:21 10

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Revelações Explosivas

Uma mudança drástica na paisagem do local, conforme Lucio me mostrava o caminho, as coisas pareciam morrer, mas era apenas característica da floresta morta, local que não era recomendado a nenhum ser humano em sã consciência. Após andarmos sobre aquele solo horrível, não demorou muito para encontrarmos um repouso. Ao adentrarmos no local, o terror me controlava, inúmeras cabeças procuradas pela marinha, de certa forma não estava com medo e sim excitado imaginando lutas e mais lutas contra tais foras da lei, mas isso não iria acontecer pois mesmo levado pelo momento estava ciente que não ia nem conseguir encostar em alguns.

Lucio e Aguíno pareciam estar em uma discussão interminável, sabia eu pois estava sentado ao lado da porta da sala na qual eles estavam. Enquanto aguardava trocava olhares com com todos que estavam dispostos a me observar por alguns segundos, uma situação desconfortável, mas tinha que manter a pose e dar uma "boa" impressão.


"- Diante destas circunstancias concordo com você. a parti de agora você comandara os dragões assassinos, e assim treine o jovem Tor, ele me lembra muito com ainda jovem, mais vamos acabe logo com isso.
Aguíno, está bem...pronto está feito deixa eu me retirar."


Esse trecho me chamou muito a atenção, não estava entendendo muito bem o que acontecia, entretanto não estava em posição para descobrir.

Aguíno, que era irmão de Lucio, corria desesperado após algum tempo e pedia para que todos saíssem dali e acusando seu irmão de explosões ou algo do tipo, estava muito confuso então decidi permanecer no local. Meu amigo pirata estava devastando o local, matando muitos dos criminosos presentes, mas um choque tremendo aconteceu quando Berrgue ataca, o local todo vai sendo destruído. Deveria fugir dali, então após me recuperar - de meus ferimentos que eram causado no desastre mas que não era tão graves - subiria as escadas nas quais estava sentado e no outro andar procuraria por uma janela ou abertura que eu utilizaria como saída, correria na mesma direção e saltaria estabelecimento à fora e ao cair no chão primeiramente apoiaria meus pés e jogaria meu corpo para frente para entrar em uma rotação, isso para amortecer a queda.

Tinha uma breve lembrança do momento em que o caos tomava conta, Aguíno corria e fugia do local. Caso conseguisse sair do local com sucesso, seguiria para o centro de Loguetown onde pessoas normais viviam, posteriormente eu iria voltar ao local mas agora apenas procuraria por Aguíno, queria respostas e faria de tudo para busca-las, pois achava que ele ainda não estava muito longe.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 19:26 11

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor via a sua situação então se preparava para fugir dali, então o mais rápido possível o Tor se apoiava com seus pés se agachando um pouco e pulava girando por um buraco que havia, logo ele sai e com um mortal cai no chão. Logo no chão Tor parava rapidamente para fazer uma pequena lembrança do caos que tomava aquele lugar la dentro, que agora queimava e desabava ainda, logo do outro lado quando Tor avistava Aguíno saindo ele foi atras dele, mais o caminho era muito horrível, e vários bandidos também corria e toda vez que Tor olhava para traz escutava e via explosões o luzes, as coisas por la estão difíceis e ainda e muito perturbador o do porque está acontecendo. Logo depois de uma correria atras de Aguíno que estava bem a frente, uma sombra passou por cima de Tor, e quando a sombra pousava dava pra avistar um homem alto, forte, de cabelos brancos, e com uma roupa tropical, e estava sem a marca em seu pescoço como a maioria de la tinha, mais mesmo assim o homem sacava duas adagas, e muito rápido ficava em posição de ataque com a adaga de seu braço direito apontada para Tor, e a do esquerdo em defesa com de lado ao contrario com a lamina para traz e a bainha para frente. O homem misterioso logo depois de um olhar de raiva fala.
Ei, você fique parado ai ou então o bicho vai pegar pro seu lado!, pensando bem apenas me diz o porque que seu amiguinho está matando meus amigos! O homem parecia bem serio e frio no que dizia e o local estava com o vento parado agora, apenas batia um vento quando alguma explosão acontecia no campo de batalha la para traz.

Oque será que Tor ira fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 20:01 12

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Um Segredo de Irmãos

A confusão era muito grande, alguns fugindo e outros lutando por suas vidas, porém havia um obstáculo em meu caminho, surge um homem, empunhando armas brancas e pronto para batalha que me questiona.

"- Ei, você fique parado ai ou então o bicho vai pegar pro seu lado!, pensando bem apenas me diz o porque que seu amiguinho está matando meus amigos!"

- Pelo que percebi lá dentro ele tinha a mesma marca que vocês, então eu gostaria que você me explicasse o que está acontecendo aqui!

Após minhas palavras, colocaria meus punhos frente ao corpo em uma posição de batalha, ficaria em alerta e sem baixar a guarda em um momento como esse. Realmente não tinha a menos ideia sobre o ocorrido então logo me veio uma idéia.

- Bem, se quiser saber o que está acontecendo, eu sei quem tem as respostas. Aguíno está em momento de fuga e eu estava atrás dele antes de você atrapalhar, venha comigo e me ajude a esclarecer esse ocorrido!

O homem podia simplesmente partir para cima e me atacar, e por isso mantinha sempre meu olhar fixo e em alerta. Gostaria mesmo que ele me ajudasse e caso a situação mude conforme os planos, iria voltar a correr no mesmo trajeto em que eu estava, caso o contrário, não deixaria o homem me pegar despercebido e ficaria encarando-o até alguma reação.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 21:47 13

Lawite

avatar
Membro de Ouro
O homem observava bem as palavras ditas por Tor, e chegava ao ponto de abaixar suas armas, e se achou seguro junto a ele, mais ainda havia explosões e tudo mais, até que um grupo de bandidos saiu correndo perto deles e todos pegavam fogo e uns estavam sem perna e outros estavam cheio de sangue pelo corpo todo. O homem misterioso ficou um pouco chocado com a cena e falou
Sinto que oque diz e verdade, me sinto seguro com você de certo modo, irei te ajudar, e enquanto a o que eu sei, aquilo e uma droga que os mais fortes estravam tomando, com isso alguns que não se encaixavam morria explodindo e não apenas isso como desintegrava tudo a uma certa distancia, inclusive a si mesmo, e parece que seu amigo tomou, mais nada explica oque está acontecendo. Também quero mais respostas, só me me tive nessa porque não tinha outra opção! O homem falava bem confiante e ainda mantendo sua postura de soberano, e então ele viu Aguíno la na frente correndo, ele logo falou.
Bom parece que as respostas estão fugindo que tal nos apressarmos e pega-las, e prazer meu nome e Ricky! Ricky falava isso e sorria olhando para o jovem aprendiz a pirara Tor, que os mesmo corriam em direção há Loguetown e Aguíno. Depois de uma certa correria, eles já estavam em no centro de Loguetown, e todos da cidade estavam em casa pelo oque parecia, Tor e Ricky correram por ruas e ruas até que chegaram a um beco e estavam bem perto de Aguíno, então Ricky gritou
Ei seu miserável, pare imediatamente!. Infelizmente para o azar do nosso jovem aprendiz a pirata Tor, Aguíno continuo.
Assim demorou mais uns 10 minutos de correria, todos estavam já a certo ponto cansado e então Aguíno parou e a chuva já caia com vários raios e trovões, as rus já estavam com uma boa certa quantidade de água fazendo o asfalto está bastante escorregadio, Aguíno se encontrava parado olhando para o chão, por um momento pode se jurar que ele chorava mais estava difícil pós parecia mais gotas d'água que caia da chuva, até que ele virou para Tor e Ricky, ai sem duvida deu pra percebe que ele chorava, pós agora usava uma cartola, que impediria d'água cair em seus olhos, assim após olhar para eles, ele olhou para o céu e fechou seus olhos, como se fizesse um minuto de silencio pela morte de alguém, que poderia ser seu irmão. Aguíno olhou novamente para Tor e Ricky e falou.
Tenham calma, fiquem absolutamente calmo, por favor!, tudo ira ser explicado já já, me acompanhe até meu apartamento e Aguíno olhava para um prédio que estava um pouco meio que velho e caindo aos pedaços de certa forma.

Oque será que o jovem Tor aprendiz a pirata ira fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 22:38 14

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Revele-se...Pressa

A partir de agora contaria com a ajuda de meu mais novo companheiro, decidimos ir atrás de Aguíno já que tinha fugido de algo. Levou algum tempo até que chegamos na cidade de Loguetown, onde tudo parecia intacto e a correria seguia entre as ruas até o um beco onde meu parceiro avistava Aguíno. Gritos ameaçadores eram vindos dele, mas o fugitivo não se abalava e logo retomava a corrida. O clima parecia mudar pouco a pouco, uma tempestade estava chegando, mas isso não nos impedira de prossegui, continuamos correndo até o ponto onde alcançamos Aguíno. Parecendo imóvel ele chorava enquanto suas tristes palavras eram pronunciadas, pedia nossa cooperação e explicava que tudo podia ser entendido com seu devido tempo. Inesperadamente um convite, ele nos chamava para ir até seu apartamento. Aceitaria o convide independente da resposta de meu mais novo amigo, queria descobrir o mais rápido possível o que eram aquelas coisas que aconteceram nem que isso signifique um incrível combate.

- Aguíno, se não se importar em fazer as coisas um pouco mais rápido eu agradeço, tenho em mente um longo treinamento e gostaria de realiza-lo logo. Minhas habilidades de luta estão um tanto fracas e quero melhora-las.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Seg 20 Maio 2013 - 23:15 15

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor aceitava entrar no local independente da resposta de seu novo companheiro o Ricky, mais Ricky também aceitou, ao entrar no local, dava para perceber que por fora a aparência era melhor, quadros quebrados e rasgados haviam, rachaduras enormes nas paredes, muito mofo nos cantos do teto, e as escadas rangiam muito e os corrimões estavam caindo aos pedaços literalmente, no primeiro andar havia duas portas que eles não entraram, apenas foram andando até as escadas que ficava no final do corredor seguindo um tapete velho e vermelho, ao chegar nas escadas Tor falava com Aguíno sobre que queria treinar, Aguíno com um sorriso respondeu.
Tenha calma jovem Tor, hoje não será muito bom vocês saírem deste local, pós piratas viram atras de vocês, e vocês ainda não vão querer lutar.
Aguíno falava como se fosse bastante normal e até terminava com um leve sorriso no rosto, e ele ia subindo as escadas e adentrava a uma porta, la dentro quando todos entrarão, ele acendeu a luz, e puderam ver que o quarto era bem bonito para um local todo acabado, eles se assentaram no sofá, Aguíno no sofá da parede e Ricky e Tor no de frente para o da parede, assim Aguíno preparou um chá e serviu para cada um, e começou a falar.
Bom! direto ao ponto, não pretendo esconder nada de vocês, e não os culpo se quiserem me bater, bom tudo começou quando eu andava fazendo pirataria,furto e tudo mais sendo que já fazia isso há tempos, mais bom as coisas só pioravam para mim até que um certo dia na Gl ao lado de meu irmão Lucio que descanse em paz, agente foi surpreendido por um homem, mais não era qualquer homem, erá o Prof° mandarim, aquele homem e o capeta, seus planos são diabólicos sua mente e muito psicopata, mais infelizmente também é muito inteligente se não uns dos maiores gênios que existem. Mais voltando ao caso, eu fui pego por ele, e para sobreviver faço trabalho para ele, e bom estava aqui testando suas drogas, que estão dando resultados brilhantes e catastróficos. Pós ela da uma fonte de regeneração mais avançada que a nossa normal, e aprimora seus atributos, assim você fica mais forte, mais não é somente isso, se você tomar mais vai ficando mais forte, mais tem um efeito colateral, seu corpo pode recusar e fazendo você evaporar fazendo uma explosão que desintegra tudo a uma certa distancia, mais se seu corpo aceitar e você continuar tomando uma hora vai piorar e a explosão vai ser pior ainda, e também pode trazer loucura e coisas do gênero. Bom dai eu fiz negócios com piratas da qui e agora o Prof° Mandarim de certa forma tem um exercito aqui de feras bestiais, e eu agora não estou mais no comando e quero acabar com isso e sei até certo ponto como, por isso quero a ajuda de vocês para acabar com isso, assim irei treinar vocês para acabarem com eles!, oque acham! Aguíno falou ainda tranquilo mais com uma certa preocupação de recusarem.
Ricky a princípio não gostou nadinha, mais logo viu que tinha que ajudar pelo seu irmão que foi morto por essa droga, e ele tomava um gole de seu chá juntamente com Aguíno, agora eles só aguardavam a decisão de Tor para prosseguir.

Oque será que o jovem Tor aprendiz a pirata ira fazer agora com essa nova situação?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Ter 21 Maio 2013 - 0:09 16

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Desvendar

Assim como o seu exterior, o interior do prédio também estava em uma situação precária, mas isso era o de menos naquele momento, deveríamos descobrir agora os motivos do ocorrido e o que era. Referente ao meu treino, Aguíno falou par que não nos precipitarmos e que muitos piratas viriam atrás de nós, era uma batalha que poderíamos adiar mais um pouco. Para um melhor diálogo nos dirigimos para um quarto onde seria mais apropriado a conversa, o mesmo oferecia um chá no qual não tocaria e deixaria por ali mesmo.

Intrigas entre piratas era algo no qual pessoas normais não deveriam se meter e isso era o que fazíamos agora, Dr. Mandarim era o nome do núcleo da confusão, acabando com ele acabaríamos com tudo que ele havia criado, Aguíno explicou detalhadamente o porque e o que estavam fazendo e vendendo por ali, e um inconveniente fez que tudo desabasse, o desejo dele era me treinar para que pudesse por um fim naquilo.

Sem dúvidas aceitaria a oportunidade, um desafio e tanto, e se tudo desse certo eu poderia ser reconhecido mundo a fora, pois meu adversário até já esteve na Grand Line.


- Bem Aguíno, já estamos perdendo tempo, vamos aniquila-los!

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Ter 21 Maio 2013 - 17:51 17

Lawite

avatar
Membro de Ouro
O jovem Tor após observar tudo logo falou com uma forte convicção, e um espirito fervendo para emoção, mais Aguíno com sua cara fez um sinal de negação, Aguíno se levantou e tomou um último gole de seu chá, e pegou a xícara de Ricky e de Tor, e levou até uma bancada aonde era sua pia, ele a deixou la e em quanto voltava falava.
Não, não,não,não,não e NÃO!, não é assim meu caro jovem Tor, as coisas tem que ser pensadas antes, por favor, não iremos cometer erros, iremos treinar que tal!, ensinarei coisas a vocês que lhe caíram muito bem!. Por hora vamos dormi, a chuva está forte, essa tempestade irá atrapalhar nosso treino, mais amanha as 5 da manha quero todos de pé para treinar que tal! Aguíno falava bem feliz com eles, mais no fundo parecia está preocupado, mais deixou isso de lado e esperou as respostas deles. Ricky foi o primeiro a responder com um sinal de cabeça e umas palavras
Você ira se surpreender com meu potencial Aguíno, amanha darei meu melhor! ricky parecia bem feliz, e muito espontâneo, agora eles aguardavam a decisão de Tor.

Oque será que Tor ira decidir agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Ter 21 Maio 2013 - 19:18 18

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
Descanse Jovem Sonhador!

Por ser uma ideia imprudente, meu plano de sair matando os criminosos não foi bem aceito, Aguíno como já era mais experiente pretendia treinar-nos e então começaríamos a pensar no que fazer, por hora iriamos apenas ter uma boa noite de sono que nos ajudaria a ter um melhor desempenho pela manhã, já que acordaríamos cedo para treinar.

Ricky parecia empolgado com a situação, e isso me motivou ainda mais sabendo que teríamos novos companheiros por hora.


- Bem, boa noite para vocês, amanhã teremos um longo trabalho a fazer.

Seguido de minhas palavras, me deitaria em qualquer canto daquela casa, de preferência o mais confortável que eu conseguiria achar e relaxando minha mente, evitaria pensamentos sobre os ocorridos, para assim adormecer em paz. Pela manhã tentaria acordar o mais cedo possível e próximo ao horário marcado, uma bom aquecimento seria o suficiente para tirar a preguiça - esticaria meus braços e minhas pernas, apenas para esticar os músculos - que restava, logo permaneceria acordado aguardando Aguíno e Ricky.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Qua 22 Maio 2013 - 17:16 19

Lawite

avatar
Membro de Ouro
Tor ficou muito empolgado com a motivação de Ricky e assim dando uma boa noite foi se direcionando para um local meio escondido que ficava do lado da parede em um canto vazio, depois dando uma outra olhada viu que havia duas portas, uma certamente deveria ser do banheiro e outra de um quarto, Aguíno viu que Ricky e o jovem Tor procuravam um lugar para se descansar, mais infelizmente ainda não achavam, então ele falou.
Meus caros!...hehehn...é...como posso dizer e que, e que..., bom eu não durmo e aqui não tem cama, mais não se preocupem, ou sim(falou baixinho) vou procurar alguns cobertores para vocês! Aguíno parecia bem constrangido com tal situação, mais se manteve com controle e entrou em uma das portas que estava do lado do armário da cozinha que por sinal estava bem direitinho e bonito, Aguíno entrou la e procurou por colchões e travesseiros , demorou muito até que voltou com alguns e logo disse.
Vocês são bem sortudos mesmos hein, não é que tinhja alguns, só estão velhos, e não recomendaria o quarto para dormi, está tudo mofado por la.

Ricky dormiu no sofá, e Tor foi para o canto vazio ao lado da sala que era protegido por uma parede, assim Tor não via muito bem aonde Aguíno ficava.

Na manha seguinte, Tor acordou bem cedo, e no local aonde estava tinha uma janela coberta por papelões, Tor abriu um buraquinho para observar o tempo la fora, e ainda estava chuvoso, só que fraco agora, Tor se aquecia rapidamente fingindo correr e treinando alguns leves golpes, e quando foi para sala dando poucos passos, viu que Aguíno já estava acordado, para falar a verdade ele parecia nem ter dormido, pós se encontrava na cadeira de balanço toda acabada que ficava no final da sala perto do banheiro. Tor ficava surpreso por ver que Aguíno ainda estava de pé, e logo Aguíno ao ver que Tor havia acordado um pouco mais cedo deixou uma espada longa e com uma lamina escura cair no chão e o barulho foi bem vibrante, e assim Ricky acordou com a com sua cara babada, parecia ter gostado do sofá, Aguíno pegava a espada e guardava em sua bainha, e logo botava dentro do quarto, ao voltar entrou na cozinha e preparou uns ovos com pão e um café gostoso, e perguntou para eles se queriam comer, Ricky cheio de fome aceitou com um sinal mexendo a cabeça e com sua boca aberta, Aguíno falou logo.
Ótimo, e bom vocês comerem mesmo, assim ficaram fortes para o treino, bom acho que se agente treinar muito bem hoje, poderemos a noite começar a agir, vocês concordam?. E botava 3 pães cheio de ovo para cada um e uma caneca de café bem grande.

Oque será queo jovem Tor aprendiz de pirata vai fazer agora?

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/
Em Curso em Qua 22 Maio 2013 - 18:10 20

Asakura Tor

avatar
Membro Nível 2
A Primeira Parte da Manhã

Após ter acordado, Aguíno já parecia estar de pé, entretanto Ricky parecia estar desfrutando de um longo solo, que logo acabara quando um barulho lhe acordava. Todos agora estavam prontos, Aguíno estava preparando o café da manhã, que já vinha em hora pois estava morrendo de fome. Pães, ovos e uma bela xícara de café, certamente iriamos começar com estilo e de barriga cheia, necessitaria de cada migalha, pois talvez o treino iria ser exaustivo, mas não podia bobear.

- Muito obrigado, mas temos que nos apressar, o mundo não vai parar equnato comemos aqui.

Talvez estivesse me precipitando, mas não sabia como seria o treino. Queria aprender a me movimentar mais efetivamente, e estava apenas a espera de meus dois companheiros para colocar isso à prova.

Ver perfil do usuário http://somosmugiwara.forumeiros.com/

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 2]

Ir à página : 1, 2  Seguinte

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum

Compartilhe este Tópico!

Url Direta
BBcode
HTML
  • Forumeiros.com | © PunBB | Fórum grátis de ajuda | Fale conosco | Assinalar uma queixa | Criar um fórum