Últimos assuntos

Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Membro Fundador
Fundador
Almirante
Santos Manchester City Dead Island Bando do Barba Negra
Ranking Geral: 1° Lugar Ranking PvP: 1° Lugar Ranking Stats: 1° Lugar Ranking Grupos: 1° Lugar
Brasil Google Chrome Masculino
Alcunha : Soco Vermelho
Reputação : 79
Cash : 6507
Data de inscrição : 02/07/2012
Mensagens : 3959
Idade : 26
Aproveitador
100 %
  • 0
Em Curso
em Seg 30 Jul 2018 - 14:40
Ver perfil do usuáriohttp://www.somosmugiwara.comhttp://www.somosmugiwara.com/

Aventura Inicial de Barnabas Benks



[quadrado]
Nome: Aventura Inicial de Barnabas Benks
Participante(s):
Barnabas Benks

Link da(s) Ficha(s) do(s) Participante(s):
http://somosmugiwara.forumeiros.com/t2719-

Mar & Ilha: Ilhas Amanhecer | East Blue
Possui Barco? Se sim, o descreva:
Não possuo.

Link da última Aventura/Coliseum: Não possui
[/quadrado]

Aqui ocorrerá a Aventura do Civil Barnabas Benks, ainda sem Narrador Definido.

avatar
Membro Nível 1
Narrador
Civil
Sem Time Nacional Sem Time Internacional Sem Game Preferido Sem Bando Preferido
Ranking Geral: Não Ranqueado Ranking PvP: Não Ranqueado Ranking Stats: Não Ranqueado Ranking Grupos: Não Ranqueado
Brasil Google Chrome Masculino
Reputação : 2
Cash : 698
Data de inscrição : 24/07/2018
Mensagens : 14
Sem Emoção
100 %
  • 0
Em Curso
em Qua 1 Ago 2018 - 4:15
Ver perfil do usuáriohttp://somosmugiwara.forumeiros.com/
O monstro faminto!

Fome de Poder!







Os meus passos pesavam, meu olhar buscava alimento, não era a primeira vez que a fome estava presente em mim, mas não seria a última. Casas mal arrumadas e barracos mal cheirosos, esse era o terminal cinzento que vivi boa parte de minha vida, mas estava na hora de mudar a visão, e meus pés pesados estava me levando para a direção de meu novo destino: A capital.

Meus olhos atentos buscavam pessoas por todos os lugares, estar vivo no terminal partia do princípio do quão atento você estava e eu aprendi isso dês de muito cedo e seria quando próximo aos limites da capital e apenas lá que os meus olhos monstruosos deixariam de aguçar e buscar uma ameaça nunca vista.

O sabor do ar não me agradava, trazia sabores que eu não poderia provar, mas eram eles que me atiçando faziam meus pés andar. Se próximo a um local "festivo" adentraria esperando silêncio mortal, aprendi que era temido dês de cedo, mas eles não precisavam se preocupar, era paciente, devorar quem lhe recebe apenas no fim, seria algo pouco cortes fazer isso antes do final.

Me aproximaria do mais próximo indivíduo é falaria tranquilo em tom nada ameaçador, mas minha voz grave talvez desse seu jeito de transformar a pergunta em algo com pouco frescor :



— Onde encontro comida por aqui?




bichaelson



Objetivos:

[] Conseguir um Barco
[] Montar uma "Família" ( Bando )
[] Conseguir o primeiro cartaz de peocurado
[] Conseguir uma alcunha
[] Obter uma Akuma no Mi
[] Entrar na Grand Line
[] Abrir a primeira filial da Família ( Seguidores em outra ilha)

Historico Barnabas:


Nome do Player: Barnabas Benks
Nº de Posts: 01
Perícias: Bravura e Corrida
Ofício: Combatente
Vantagens: Líder Nato / Assexuado / Visão Aguçada / Boa Memória
Desvantagens: Aparência Monstruosa / Fúria Mística / Isca Viva

Ganhos:

Perdas:

avatar
Membro Fundador
Fundador
Almirante
Santos Manchester City Dead Island Bando do Barba Negra
Ranking Geral: 1° Lugar Ranking PvP: 1° Lugar Ranking Stats: 1° Lugar Ranking Grupos: 1° Lugar
Brasil Google Chrome Masculino
Alcunha : Soco Vermelho
Reputação : 79
Cash : 6507
Data de inscrição : 02/07/2012
Mensagens : 3959
Idade : 26
Aproveitador
100 %
  • 0
Em Curso
em Sex 3 Ago 2018 - 20:04
Ver perfil do usuáriohttp://www.somosmugiwara.comhttp://www.somosmugiwara.com/
@Barnabas Primeiro post é meu haha. Mal a demora, estava resolvendo umas coisas. Let´s go.

Aventura Inicial


[quadrado=Regras Gerais]* O narrador leva em conta a ficha do player e a sua narração.
* Temos dois diferentes momentos em batalhas, sendo eles:
1- Movimento de Ataque (Player Atacante)
2- Movimento de Defesa e de Ataque (Player Defensor)
3- Movimento de Defesa e Ataque (Player Atacante)
4- Assim segue.

* Lembre-se, todas as suas ações são realizadas por testes de atributos. A dificuldade do teste vai ser analisada pelo narrador.

Quanto a aventura inicial, ela funciona da seguinte forma:

O player no fim da aventura vai upar para o level 2 e pode adquirir alguma akuma no mi ou meitou. Também entrará no grupo ao qual deseja seguir.
Esta aventura tem por base a história do player, servindo como fundo narrativo para o narrador.[/quadrado]

Post 01


[verde]
Crescido na pobreza, buscava comida em meio ao lixo. Crescido na margem da sociedade, chamado de monstro até pelos que se encontravam na mesma situação, essa foi a infância do jovem meio gigante Barnabas. Salvo por seu pai deste terrível destino, o grande Al Caponni, um temível senhor do submundo da região, amado apenas por si mesmo e odiado por todos.
Barnabas foi ensinado de tudo, se transformou em um verdadeiro homem feito sob os cuidados de seu pai, porém seu pai desejava mais que o seu amor ou apenas sua presença. Tudo foi pensado, todo o encontro e a atenção dada tinham por objetivo que Barnabas se torna-se seu homem de confiança, o protetor de seu pai.
Mas algo cresce dentro de Barnabas, aquilo não era mais o suficiente para ele. O desejo de ser livre finalmente aparece dentro do meio gigante e agora ele deseja conhecer o mundo. Mas seria possível ele sair do mundo do crime ileso?
Barnabas se encontra em um bar pensando sobre tal situação e como vai sair dela, ele pode pensar em sair pelo porto ou aprontar uma situação de desmanche no grupo de seu pai, ou até mesmo fazer uma emboscada com a marinha para prende-los. São diversas situações possíveis.
[/verde]

PS: Vamos lá, você está em um bar sozinho, pode dizer que está tomando algo. Já está tarde e apenas você está no bar, logo está ali faz algum tempo. Pense nas possibilidades de como vai deixar o grupo e tal. Você está em uma pequena cidade, nas margens da cidade mais importante da região, lá está o quartel da marinha e também os grupos rivais de seu pai.
avatar
Membro Nível 1
Narrador
Civil
Sem Time Nacional Sem Time Internacional Sem Game Preferido Sem Bando Preferido
Ranking Geral: Não Ranqueado Ranking PvP: Não Ranqueado Ranking Stats: Não Ranqueado Ranking Grupos: Não Ranqueado
Brasil Google Chrome Masculino
Reputação : 2
Cash : 698
Data de inscrição : 24/07/2018
Mensagens : 14
Sem Emoção
100 %
  • 0
Em Curso
em Seg 6 Ago 2018 - 5:23
Ver perfil do usuáriohttp://somosmugiwara.forumeiros.com/
Poder e Ambição!

O Monstro e seus desejos!







Um monstro adestrado para ser um cachorro, não era algo que me agradava, nunca foi algo que me atraía, mas era minha escolha feita para me manter vivo. Crescer em meio aos escombros de uma velha sociedade me fez ter que endurecer, mas foi viver com o homem que chamava de pai que me tornou o "Homem" que sou.

Lembro de estar nesse mesmo bar a tempos atrás enquanto ele me falava em tom ameno que eu um dia cresceria mais que todo homem naquele lugar, que seria um gigantesco e poderoso ser, mas quando esse dia chegasse eu teria de escolher em ser um grande homem ao seu lado ou um fracasso sozinho, bem era a hora de mostrar que seria um grande homem sem ele mesmo que isso me custe mais que um ou dois nacos de pele.

Caminharia ate o balcão do estabelecimento, buscaria um atendente ou coisa similar, meus olhos amarelados com tons avermelhados talvez mostrasse um pouco mais do que eu gostaria da monstruosidade que trespassava de mim, a encararia alguns instantes antes de abaixar-me com certa curvatura e sorrir com a disforme boca sem lábios inteiros arrancados em meus dias de fome para minha própria alimentação e sobrevivência, o medo que isso pudesse causar para mim não era uma problemática e por isso apenas com meu dedo indicador e o polegar seguraria o queixo do ser é falaria :



— Me diga , quanto deu a minha conta até agora "Criança" ?


Esperaria a resposta para pagar meus dividendos apenas por uma questão moral, ter poder e ter respeito ( por medo ou não ) sempre foi algo me ensinado, pagar sem discriminação essa é a real atitude daquele que comanda, ele não é superior às leis por ele impostas, mas ele está acima de todos na lei.

Meus passos me levariam a facção de inimigos de meu pai, cada passo dado era uma decisão a ser tomada e era apenas quando meu corpo gigantesco estivesse diante da construção rival que passaria as mãos pelos meus cabelos e com um sorriso amarelo e sádico que bateria na porta para ser atendido apenas para poder falar :



— Desejo falar com seu líder, diga a ele que Barnabas Benks gostaria de falar em como ter Al Caponni fora da jogada.


bichaelson



Objetivos:

[] Conseguir um Barco
[] Montar uma "Família" ( Bando )
[] Conseguir o primeiro cartaz de peocurado
[] Conseguir uma alcunha
[] Obter uma Akuma no Mi
[] Entrar na Grand Line
[] Abrir a primeira filial da Família ( Seguidores em outra ilha)

Historico Barnabas:


Nome do Player: Barnabas Benks
Nº de Posts: 01
Perícias: Bravura e Corrida
Ofício: Combatente
Vantagens: Líder Nato / Assexuado / Visão Aguçada / Boa Memória
Desvantagens: Aparência Monstruosa / Fúria Mística / Isca Viva

Ganhos:

Perdas:

avatar
Membro Fundador
Fundador
Almirante
Santos Manchester City Dead Island Bando do Barba Negra
Ranking Geral: 1° Lugar Ranking PvP: 1° Lugar Ranking Stats: 1° Lugar Ranking Grupos: 1° Lugar
Brasil Google Chrome Masculino
Alcunha : Soco Vermelho
Reputação : 79
Cash : 6507
Data de inscrição : 02/07/2012
Mensagens : 3959
Idade : 26
Aproveitador
100 %
  • 0
Em Curso
em Dom 19 Ago 2018 - 11:01
Ver perfil do usuáriohttp://www.somosmugiwara.comhttp://www.somosmugiwara.com/
@Barnabas Bora lá manolo.

[azul]O jovem mafioso encontrava-se em um dilema, tudo convergia para a sua libertação e esperança de seguir livre. Mas o empecilho, a cruzada que o mesmo deveria cruzar era por demais difícil, um pouco de álcool o ajudava a ter coragem. Ao sair do bar ele estava decidido, acabaria com a notoriedade de seu pai junto com os seus rivais. Assim o jovem caminha em direção a regiões rivais, passava por peões que pareciam não acreditar no que estava acontecendo.

- Por que ele está aqui? talvez queira morrer haha. Dizia os peões.
- Ele está sozinho e bebo, vamos deixar ele ir até a base, o chefe quer matar ele com as próprias mãos.

Aquilo que era dito não amedrontava o jovem que seguia caminhando até a base, cerca de 6 membros importantes da gangue rival o esperava na entrada da base, mas não falavam nada, apenas apontavam o caminho para o local onde o chefão se encontrava. Ao entrar ao recinto o jovem ditava as palavras.

- Desejo falar com seu líder, diga a ele que Barnabas Benks gostaria de falar em como ter Al Caponni fora da jogada.
- Haha Eu sou o líder, Trevor Night, mas antes de tudo gostaria de saber o porquê disto. Qual o motivo que o levou até aqui ficar frente a frente comigo, o porquê de querer derrubar seu pai Barnabas. Dizia Trevor engolindo um copo de wisky e se virando para observar o jovem.
- Saiba que é altamente provável que você morra hoje pela minhas mãos.[/azul]

avatar
Membro Nível 1
Narrador
Civil
Sem Time Nacional Sem Time Internacional Sem Game Preferido Sem Bando Preferido
Ranking Geral: Não Ranqueado Ranking PvP: Não Ranqueado Ranking Stats: Não Ranqueado Ranking Grupos: Não Ranqueado
Brasil Google Chrome Masculino
Reputação : 2
Cash : 698
Data de inscrição : 24/07/2018
Mensagens : 14
Sem Emoção
100 %
  • 0
Em Curso
em Seg 20 Ago 2018 - 3:05
Ver perfil do usuáriohttp://somosmugiwara.forumeiros.com/
Fome de Poder!

Quem alimenta o monstro?







Risos e deboches, eram as coisas que ouvi enquanto caminhava em direção ao meu destino, tolos, rosnavam para alguém maior que eles, assim como Hienas rosnam para Leões. Complicado pensar que naquele momento poderia estar selando a vida de muitos, mais complicado ainda pensar que talvez a minha vida fosse uma das que fossem seladas, mas aquele não eram momentos para pensamentos filosóficos, era uma momento para que eu de fato compreendesse o tamanho de minha ambição e desejo. Meu pai era um homem poderoso, mas infelizmente acabou criando outro homem igualmente poderoso e determinado e como ele costuma dizer "Um homem deve compreender o valor de suas ferramentas"e ele já não me era uma ferramenta útil ao meu proposito.

Caminhar tornou-se menos importante quando nas portas do local cheguei, os "Assessores" do grande chefe encontravam-se ali para me recepcionar, isso era bom, mostrava respeito, ou curiosidade ao menos, o que eu precisava realmente? Bem, naquele momento eu precisava apenas de uma coisa, atenção, e possuía de sobra. Quando adentrei pude falar o que precisava, o homem a minha frente riu, mostrou desdem, como os muitos que encontrei ao longo de minha vida, suas palavras viram com seu nome, Trevor, não esqueceria, mas foram os seus questionamentos que me fizeram rir, rir de forma "zombateira" e pouco usual e era a primeira vez naquele dia mas mesmo assim não deixei de responde-lo:





-- Trevor, existem tantos motivos que podiam ser citados enquanto nos confrontamos com olhares que pontuar eles demoraria uma vida, mas veja assim: Somos homens capazes e fortes, poderosos por natureza, lideres naturais, quando nossas palavras são ditas devem ser cumpridas e serão. Quando lideres como nos são tratados como animais, são provocados, são atiçados, eles tornam-se bestas capazes de atrocidades únicas e ai chegamos no motivo da minha vinda, você assim como eu foi provocado e atiçado ate seu limite por Al Caponni e ambos queremos algo em comum: PODER. Triste desejar algo que não se tem por delimitação dos outros não acha?

Minhas palavras eram sinceras, mesmo com metáforas longas eu tentava me fazer entender o motivo maior por estar ali. Trevor era uma besta assim como eu, ele compreenderia, compreenderia o que é o desejo de poder, compreenderia que quando inimigos se encontram com objetivos incomum são mais fortes poderosos do que separados, mas isso se ele fosse minimamente sábio.

Antes mesmo que pudesse ouvir a resposta real a ameaça, estilo, pude sentir em suas atitudes mas lhe faltava algo primordial para isso, ter uma carta na manga e por isso complementei ao escutar seu ultimo ponto:





— Aprendi duas coisas Trevor: Nunca acabe com seu trunfo de primeira e nunca precipite um plano, nesse momento você tem de ser sincero, sou sua melhor chance de chegar "Sem riscos" ao meu pai e assumindo os negócios seremos muito mais poderosos que metade dos que nos rodeia...então eu que lhe pergunto: Sabe que ao fim dessa conversa teremos um acordo, ou não sabe?


O sorriso demoníaco surgiu em meus lábios enquanto me aproximava do homem, minha mão se estendia mesmo com proporções desiguais, mas esperava em resposta o aperto de mão que selaria o nosso acordou, ou o bote da víbora que teria que destruir.


bichaelson



Objetivos:

[] Conseguir um Barco
[] Montar uma "Família" ( Bando )
[] Conseguir o primeiro cartaz de peocurado
[] Conseguir uma alcunha
[] Obter uma Akuma no Mi
[] Entrar na Grand Line
[] Abrir a primeira filial da Família ( Seguidores em outra ilha)

Historico Barnabas:


Nome do Player: Barnabas Benks
Nº de Posts: 02
Perícias: Bravura e Corrida
Ofício: Combatente
Vantagens: Líder Nato / Assexuado / Visão Aguçada / Boa Memória
Desvantagens: Aparência Monstruosa / Fúria Mística / Isca Viva

Ganhos:

Perdas:



@KENWAY


Última edição por Barnabas em Seg 20 Ago 2018 - 3:07, editado 2 vez(es) (Razão : Marcando GM)
Conteúdo patrocinado
  • 0
Em Curso
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum